Academia Ramiro Freitas

Academia de Cultura e Solidariedade

 

 

 


Acção de Formação em Competências Educativas dos Pais – Apoio nas tarefas escolares. Os formandos foram seleccionados pela ASDL – Associação de Solidariedade e Desenvolvimento do Laranjeiro, instituição que nos contratou, e decorreu, na sede da ASDL, de 16 de Novembro a 2 de Dezembro de 2011, em seis sessões de 1h30 cada, no total de nove horas.

Estamos disponíveis para desenvolvermos estas acções de formação, designadamente, nas escolas, através das associações de pais, ou com outros parceiros.

 

 

Ler mais: Acção de Formação em Competências Parentais

Academia Tomada posseO ato constituinte da Academia decorreu em 1 de junho de 2010, na Conservatória do Registo Comercial de Almada. Dias depois, a 9 de junho, realizou-se, na sede da UCAPA, a assembleia geral de sócios fundadores da Academia de Cultura e Solidariedade Ramiro Freitas, a qual aprovou o Regulamento Interno de funcionamento da Academia e elegeu os órgãos sociais para o mandato de três anos, de acordo com os estatutos.

A tomada de posse dos órgãos sociais decorreu na sala do ATL da EB1 da Costa da Caparica, no dia 26 do mesmo mês, cerimónia que também teve o simbolismo por este ATL ter sido fundado por Ramiro Freitas.

 

 

 

 

O Nosso Trabalho em Números

>10

ações de formação

+ de 5

anos de constituição

+ de 400

participantes

>70

eventos

...opinião

O rastreio de avaliação psicológica realizado pela Academia Ramiro Freitas nas turmas do Jardim de Infância da EB Miradouro de Alfazina, sinalizou as dificuldades e problemáticas que se manifestam no pré-escolar. Este projeto foi muito importante para as crianças, para as famílias e para a escola. A deteção precoce das dificuldades destas crianças permitirá um maior sucesso escolar no 1.º ano de escolaridade.
Luís Costa
Luís Costa
diretor de Agrupamento de Escolas
A Academia Ramiro Freitas realizou uma sessão de trabalho com uma turma da Escola Anselmo de Andrade, que apresentava comportamentos de conflitos entre pares, em que o relacionamento entre alguns alunos era um pouco tenso, refletindo-se no desempenho escolar. Consideramos que a intervenção foi adequada na metodologia e para a faixa etária em questão. Auscultados os alunos, consideraram que foi uma sessão muito interessante, divertida e importante para a sua formação cívica.
Teresa Vieira
Teresa Vieira
diretora de turma
Agradecemos a disponibilidade e simpatia em nos apoiar, bem como o material disponibilizado. A sessão (Tertúlia com Pais – Orientação Vocacional) foi bastante proveitosa para todas as participantes, bem como para a equipa, tendo o feedback até ao momento sido bastante positivo.
Carla Martinho
Carla Martinho
coordenadora do Projeto Agir a fazer o futuro - E5G